Equipe e parceiros
Voltar ao índice

A Táxeus foi criada pelo analista de sistemas/observador de aves Ricardo Mendes e pelo biólogo/ornitólogo Gustavo Pedersoli. Meses depois Rubem Dornas, biólogo/mastozoólogo, se juntou ao time, agregando conhecimento e conteúdo. Nessa página são apresentados os mini curricula vitae de cada um deles.

Gustavo H. P. Pedersoli
Biólogo Licenciado e Bacharel em Gestão Ambiental pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Ornitólogo com ampla carteira de diagnósticos de levantamento e monitoramento de fauna. Coordenou, na Associação Mineira de Defesa do Ambiente, projetos focados na conservação da biodiversidade em áreas protegidas do espinhaço meridional. Atualmente concentra suas atividades, como consultor, na coordenação de estudos ambientais voltados para empreendimentos minerários, energéticos, ferroviários e industriais. É co-fundador e membro da ONG Ecoavis - Ecologia e Observação de Aves.

Ricardo L. S. Mendes
Bacharel em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Ouro Preto e Pós-graduado em Gestão Financeira pela Fundação Dom Cabral. Atua há mais de 14 anos com modelagem e desenvolvimento de sistemas de informação, com expertise nos segmentos de siderurgia, governo, telecom e gestão empresarial. Observador de aves desde meados de 2006, tem se dedicado cada vez mais ao contato próximo e aprendizado sobre a natureza. É membro da ONG Ecoavis - Ecologia e Observação de Aves.

Rubem A. P. Dornas
Biólogo Licenciado e Bacharel em Zoologia de Vertebrados pela Universidade Federal de Minas Gerais, seu trabalho envolve aves e mamíferos desde 2005. Co-fundador da Maranhaves - Grupo de Observação de Aves do Maranhão, suas experiências permeiam, além das aves, temas como a ecologia de estradas, quirópteros (morcegos) e mamíferos de médio e grande porte, prestando serviço para diversas empresas nos setores de energia, mineração e transportes. Atualmente atua na coordenação de projetos relacionados a monitoramento de fauna, monitoramento e mitigação de fauna atropelada e resgate de fauna, no norte/nordeste do país.

Voltar ao índice

Modificado pela última vez em 23/03/2017.